Auditores Fiscais Federais Agropecuários gerem aplicação de emendas parlamentares na agropecuária

Uma atuação pouco conhecida dos auditores fiscais federais agropecuários (affas) é na aplicação das emendas parlamentares destinadas à agropecuária. Esses profissionais atuam na análise de projetos que promovem o desenvolvimento de um estado ou município, aplicando-os de acordo com as vocações e cadeias agropecuárias locais. Como muitas regiões possuem pouca flexibilidade e disponibilidade em seu orçamento para investir na infraestrutura necessária ao agronegócio, a atuação dos affas na gestão dessa verba é de grande importância.

“No momento que um parlamentar destina o recurso para determinado município, ele informa a assessoria parlamentar do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa)”, conta a auditora fiscal federal agropecuária Ana Cristina Reis. “O affa analisa o plano de trabalho e orienta o município na correção de projetos que utilizem o recurso da emenda”, continua.

Segundo Reis, o profissional precisa se certificar que os projetos são estruturais e não envolvem somente a compra de máquinas – o que pode ter um impacto limitado. As obras realizadas podem ser para a criação de novas estradas para escoar a produção ou a criação de uma agroindústria, por exemplo.

“Os affas fazem um trabalho importante para garantir a segurança dos alimentos e a saúde da população, mas nós também atuamos pelo desenvolvimento da agropecuária”, diz Reis. “Como estão sempre em campo, sempre muito próximos dos produtores, os affas conhecem a região, sabem identificar suas vocações agropecuárias e conseguem atuar junto aos órgãos de administração pública e às cadeias produtivas na organização e desenvolvimento de infraestruturas locais”, continua.

Muitos municípios brasileiros não possuem recursos em seu orçamento para investir na infraestrutura rural e dependem das emendas parlamentares para a realização de obras e projetos. Em 2018, segundo o Portal da Transparência, R$ 697 milhões em emendas (6% do total) foram destinados à agricultura.

Sobre os Auditores Fiscais Federais Agropecuários

O Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais Federais Agropecuários (Anffa Sindical) é a entidade representativa dos integrantes da carreira de Auditor Fiscal Federal Agropecuário. Os profissionais são engenheiros agrônomos, farmacêuticos, químicos, médicos veterinários e zootecnistas que exercem suas funções para garantir qualidade de vida, saúde e segurança alimentar para as famílias brasileiras. Atualmente existem 2,7 mil fiscais na ativa, que atuam nas áreas de auditoria e fiscalização, desde a fabricação de insumos, como vacinas, rações, sementes, fertilizantes, agrotóxicos etc., até o produto final, como sucos, refrigerantes, bebidas alcoólicas, produtos vegetais (arroz, feijão, óleos, azeites etc.), laticínios, ovos, méis e carnes. Os profissionais também estão nos campos, nas agroindústrias, nas instituições de pesquisa, nos laboratórios nacionais agropecuários, nos supermercados, nos portos, aeroportos e postos de fronteira, no acompanhamento dos programas agropecuários e nas negociações e relações internacionais do agronegócio. Do campo à mesa, dos pastos aos portos, do agronegócio para o Brasil e para o mundo.

Re9 Comunicação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *